PUBLICIDADE

Parque Olímpico terá restrição de objetos e acesso só por transporte público

Mais do que contar com o ingresso para alguma sessão que ocorra naquele dia, para acessar o Parque Olímpico o torcedor precisará ficar atento para evitar contratempos. Há uma lista de itens proibidos de se levar ao local, o que inclui até mesmo tampa em garrafas d?água.

A relação de objetos proibidos consta nos ingressos. Na hora de sair de casa, é bom revisá-lo para evitar dissabores na hora da entrada , disse André Furtado, gerente geral de Instalações do Comitê Rio-2016 para a região da Barra da Tijuca.

Garrafas d?água, por exemplo, só poderão ser levadas se estiverem sem rótulo e até mesmo sem a tampa. A explicação é que, fechada, uma garrafinha poderia ser arremessada e machucar alguém. O chamado pau de selfie , capacete, objetos que emitam som (como apitos) ou sejam pontiagudos também são proibidos, assim como balões ou recipientes com qualquer tipo de gás, como os aerossóis. Protetor solar é permitido, em frascos de até 200 ml.

Os pais precisam desembolsar ingressos para os filhos pequenos. Isso porque ser criança de colo não garante entrada no Parque Olímpico. O Rio-2016 alerta que toda criança maior de dois anos só conseguirá entrar se tiver ingresso próprio.

Para chegar ao local, a única opção é o transporte público, via BRT. Duas estações ficam próximas ao Parque Olímpico. Carros, táxis, vans, motos ou bicicletas não terão acesso às vias de entorno, salvo os da família olímpica ou de moradores previamente cadastrados. Skates, mesmo que carregados na mão, também serão vetados.

Pela programação, a maioria das arenas abrirá duas horas antes do início da disputa - o Parque Olímpico abrirá diariamente duas horas antes da primeira competição agendada. Como haverá duas grandes áreas de convivência, o Rio-2016 espera que os torcedores cheguem cedo para evitar correria de última hora.

Como deverá haver um fluxo grande de pessoas, a gente preconiza que o espectador chegue no Parque pelo menos uma hora e meia antes da sessão começar, para que consiga se localizar, conhecer o parque e ir se sentar confortavelmente sem atraso , explicou Furtado.

Fonte: Diário do Grande ABC

PUBLICIDADE