PUBLICIDADE

BRT TransOlímpica

O projeto de construção da via Transolímpica ligará a Barra da Tijuca à Deodoro dois bairros da Zona Oeste que deverão abrigar grande número de complexos esportivos.

A nova via expressa atravessará seis bairros e terá 26 quilômetros de extensão, com três faixas para veículos em cada sentido e uma faixa central exclusiva para o sistema de Bus Rapid Transit (BRT) em cada sentido. A projeção inicial é que 50 mil veículos irão trafegar diariamente pela via. O sistema BRT consiste em ônibus articulados, com capacidade para 160 passageiros e estações exclusivas de embarque e desembarque. 

O BRT da Transolímpica será integrado ainda aos trens da Supervia em Deodoro e Magalhães Bastos, criando uma opção hoje inexistente entre esses meios de transporte. Outro ponto de integração será no trevo entre a Estrada dos Bandeirantes e a Avenida Salvador Allende, por onde passará o BRT Transcarioca. No Recreio dos Bandeirantes, o corredor também será interligado ao BRT Transoeste.  

Considerada a maior obra da cidade nos últimos 30 anos, a Transolímpica vai criar novas vias e cortará os bairros da Barra, Recreio dos Bandeirantes, Camorim, Curicica, Taquara, Jardim Sulacap, Magalhães Bastos, Vila Militar e Deodoro, beneficiando diretamente mais de 400 mil moradores da região e se consolidando como uma opção à Linha Amarela para quem vive na Baixada Fluminense e nas regiões próximas à Avenida Brasil.  

Os ônibus articulados, com capacidade para 160 passageiros ou mais cada um, serão divididos em expresso e parador, de acordo com a quantidade de estações no caminho. Todos os veículos – cerca de 60 – terão ar condicionado, portas no lado esquerdo e piso elevado a 90 centímetros do solo alinhado com as estações, que serão 17 entre a Barra e Deodoro.

O Consórcio formado por Invepar, Odebrecht Transport e CCR, chamado Rio Olímpico, venceu o leilão do projeto da Ligação Transolímpica, realizado pela prefeitura do Rio de Janeiro, com uma proposta de R$ 57,97 milhões.

 

Status do BRT

Projeto básico/executivo  Concluído

Edital de licitação  Concluído

Obras  Iniciadas em julho 2012 

Início da operação  Prevista para janeiro 2016

 

FICHA TÉCNICA

Nome do BRT  TransOlímpica

Bairro/Cidade/UF Recreio - Barra da Tijuca - Jacarepaguá - Deodoro

Extensão (Km) 26 Km

Capacidade 400 mil passageiros

Frota operacional 60 articulados

Estimativa de atendimento 400 mil / dia

Características do serviço 18 estações

Terminais de integração (quantidade) 2 terminais

Benefícios Redução de custos operacionais, aumento da velocidade média, redução do tempo de viagem para os passageiros e, maior capacidade de demanda.

Custo R$ 2,3 bilhões

Fonte de custeio Recursos do estado e município

Quanto já foi investido  -

Consórcio    Invepar, Odebrecht Transport e CCR, chamado Rio Olímpico

Fontes: Rioônibus

Atualizado: 22 de abril de 2014

PUBLICIDADE