PUBLICIDADE

Rio de Janeiro (RJ)

Em junho de 2012 se iniciou a operação do Corredor TransOeste, o primeiro de quatro corredores a serem implantados no Rio de Janeiro.  Logo em seguida, em 2014, veio o Transcarioca. Com os dois corredores operando, o sistema do Rio de Janeiro transporta mais de 430 passageiros por dia, nos seus 320 carros e 102 estações. Já alcançou 32% de redução no nível de dióxido de carbono (CO2) com a priorização do transporte coletivo, o que leva ao usuário definir a rapidez nas viagens um de seus principais ganhos.

Responsável pela operação dos BRT Transoeste e Transcarioca, o Consórcio BRT Rio também assumirá o comando de outros dois sistemas após a inauguração deles: o BRT Tansolímpica (Deodoro - Recreio), previsto para 2016; e o BRT Transbrasil (Deodoro - Centro, pela Avenida Brasil), que não está entre os compromissos assumidos para as Olimpíadas e será entregue em 2017.

Saiba um pouco mais dos corredores de BRT do Rio de Janeiro:


TRANSOESTE

O Transoeste é o primeiro corredor expresso em operação na cidade do Rio de Janeiro. Inaugurado em 2012, tem 52 km, 57 estações e liga o Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, a Santa Cruz e Campo Grande. É integrado ao corredor Transcarioca e estações do Metrô Rio e da SuperVia. Futuramente, haverá a conexão também com o corredor BRT Transolímpica.



Esse corredor está sendo expandido do Jardim Oceânico ao Terminal Alvorada, ambos na Barra da Tijuca. Quando concluído, o corredor terá 58 km de extensão e 62 estações de BRT, além de três terminais. A previsão de operação é 2016.


TRANSCARIOCA

Inaugurado em 2014, às vésperas da Copa do Mundo do Brasil, o corredor expresso Transcarioca liga o Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, ao Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador. Um trajeto total de 39 km, que reduz o tempo original de viagem em 60%.

Ao longo do percurso são 47 estações e cinco terminais, com 147 ônibus articulados, beneficiando mais de 230 mil passageiros com a interligação de 27 bairros: Barra da Tijuca, Jacarepaguá, Curicica, Cidade de Deus, Taquara, Tanque, Praça Seca, Campinho, Madureira, Cascadura, Engenheiro Leal, Turiaçu, Vaz Lobo, Vicente de Carvalho, Irajá, Vila da Penha, Vila Kosmos, Brás de Pina, Penha Circular, Penha, Olaria, Ramos, Bonsucesso, Complexo do Alemão, Maré, Fundão e Galeão.


TRANSOLÍMPICA

O corredor ligará o Recreio dos Bandeirantes a Deodoro em viagens que pretendem atender 70 mil pessoas diariamente, diminuindo o tempo de deslocamento das atuais duas horas e meia para apenas 30 minutos. Com 18 estações e três terminais, o Transolímpica vai fazer integração com o Transoeste, no Recreio, com o Transcarioca, em Curicica, e com os trens da SuperVia, em Magalhães Bastos, Vila Militar e Deodoro. A previsão de inauguração é 2016, não terá semáforos pelo caminho, beneficiando, também, milhares de motoristas que poderão utilizar a via de 26 quilômetros (sendo 13 quilômetros somente de via expressa).

 


TRANSBRASIL

A Avenida Brasil passa por um intenso processo de transformação com a chegada do BRT Transbrasil, que vai ligar Deodoro, na Zona Oeste, ao Centro do Rio. A previsão é de que 820 mil passageiros utilizarão, todos os dias, o BRT, fazendo integração com outros meios de transporte, como metrô e trens da Supervia.

As mudanças vão beneficiar os motoristas que sofrem com os congestionamentos diários, já que as obras também incluem drenagem e pavimentação da via, melhorando as condições de tráfego também nas pistas que não são destinadas aos ônibus articulados.

 
QUEM CUIDA DESSE SISTEMA BRT?
BRT Rio
Telefone: 0800 886 1000 / WhatsApp: 99992-8511/ SMS: 28511
Site: http://brtrio.com/

PUBLICIDADE

Sub-categorias